quarta-feira, 26 de maio de 2010

Cenas de um sorteio

Quem nos acompanha sabe que as baunilhetes adoram ganhar e dar presentes umas às outras.
Não tem reunião sem um presentinho ou um sorteio. E é tudo tão espontâneo que reunião sem sorteio, pelo menos, parece que ficou meio manca.
Diante disso, no último encontro tomei uma decisão definitiva - comprei bolinhas de madeira e escrevi, com caneta que não apaga, o nome das baunilhetes em cada bolinha e deixei uma em branco para incluir uma eventual visitante, como foi o caso da Dona Ana que entrou para o sorteio também. Era um tal de cortar papelzinho e escrever o nome de todo mundo, que cansei. Isso sem falar numa dos encontros quando não se encontrou papelzinho e os nomes foram escritos num guardanapo de papel. Foi uma operação bem delicada não deixar o guardanapo se desfazer.
Esse lance de sorteio é tão forte que, na última quinta-feira, a Télcia chegou atrasada, colocou a cara na porta e perguntou falsamente tímida e humilde: "Posso entrar?" Ao que a Gabi logo foi respondendo; "Pode, mas o sorteio já foi!"
Era brincadeira, é claro, pois os sorteios acontecem somente no final das reuniões, para criar mais clima.
Então, aí com vocês, cenas do nosso último sorteio:
Cena 1. Dona Ana, convidada especial, retira o nome da sorteada do saquinho.
Cena 2. Télcia, inconformada, lança seu olhar de desprezo profundo para a sorteada da vez.
Cena 3. Maristela exibe, feliz da vida, o presente que levei - uma pinça super original da Santa Amora.





2 comentários:

  1. Oi Minha Amada Eneida,
    Ser feliz é muito simples!!!!
    Nós é que muitas vezes complicamos o dia-a-dia com "picuinhas" e reclamações e perdemosa chance desfrutar momentos deliciosos como esses.
    Boa idéia a das bolihas para os SORETEIOS S
    Concorda comigo???
    Beijos, beijos, beijos.
    Regina Coeli
    Regina Coeli

    ResponderExcluir
  2. Adorei o blog! Parabéns!

    Beijos

    ResponderExcluir